• Facebook Social Icon
  • Instagram Social Icon
  • YouTube Social  Icon

"Isso não é rock! É música gostosa!!!"

 

A frase do título foi dita pela ex-loira do É o Tchan!, Sheila Mello, quando esteve em Florianópolis para uma série de gravações com artistas locais. A banda gostou tanto da expressão da loira que adotou como frase de cabeceira.

O Quarteto Banho de Lua é a banda de flashbacks nacionais e internacionais de maior expressão na Capital. O show (o melhor é assistir para entender o que querem dizer) serve pra deixar as pessoas melhores do que elas estavam antes.

A plateia dança com Footloose, lembra do Jive Bunny em Twist Again, faz coro em Cazuza, grita “Toca Raul!” e é atendida, fica impactada com o poder de Creedence e mata a fome de rock com aqueles Beatles e Rolling Stones que só o Quarteto faz. São mais de 200 músicas que passam pelos The Doors, Pink Floyd, Joe Cocker, Michael Jackson, TNT e tantos outros artistas capazes de fazer uma noite virar inesquecível.

Os rapazes do Quarteto perseguem o prazer de levar o espetáculo musical a todos os públicos e ouvir aquele comentário que tem se tornado constante e que os enche de orgulho: “Como essa banda não tinha tocado aqui antes?”.

 

 

 

 

 

 

                                                                                    

 

Alguns feitos do Quarteto Banho de Lua

 

- Em 2007, foram eleitos pelo júri da revista Veja SC a melhor banda do Estado.

- Fizeram o show de abertura para Creedence Clearwater, na primeira aparição deles no Brasil, em Tubarão, na Produsul.

- Um ano antes, fizeram a abertura para os escoceses do Nazareth no mesmo evento.

- Em Floripa, tocaram para 70 mil pessoas no Réveillon da Beira-Mar Norte por quatro anos seguidos.

- Na Feijoada do Cacau, foram umas das primeiras bandas de rock and roll a levantar o público em pleno sábado de Carnaval.

- Em 2008, 2009 e 2011 realizaram três miniturnês com artistas nacionais. Foram a banda de apoio de Charles Master (vocalista e baixista da banda gaúcha TNT), Wander Wildner (cantor gaúcho que teve a música Bebendo Vinho gravada pelos paulistas do Ira!) e Marcelo Nova, discípulo de Raul Seixas, cujo show pode ser conferido no link http://www.youtube.com/watch?v=pAGXAWjy2JY&feature=related

- Quando o rock completou 50 anos, foram a banda selecionada pelo Jornal Hoje, da Rede Globo, para interpretar uma música de Elvis Presley em rede nacional.

- Nos grandes eventos do Resort Costão do Santinho, são a banda requisitada por empresas como Volkswagem e indústria farmacêutica Roche para confraternização de funcionários.

- A versatilidade do Quarteto Banho de Lua aparece na variedade de produtos e formatos que oferecem. Além do show variado, há shows temáticos: Beatles Especial (caracterizados com ternos vintage), Tributo a Creedence, De Volta à Jovem Guarda, Rolling Stones Especial, Elvis Presley Cover. Temos ainda a opção acústica, para locais onde o volume do som é limitado.

 

 

 

Release completo

 

Tudo começou em janeiro de 1999, quando músicos, que haviam passado por bandas importantes, reuniram-se em um hotel em Florianópolis para um show sem grandes pretensões. O público gostou, cobrou novas aparições e acabou exigindo que se formasse o Quarteto Banho de Lua. O nome surgiu da música cantada por Celly Campelo no final dos anos 50, a primeira canção interpretada pela banda em sua estreia e com uma pitada de ousadia na versão. Quem conhece o Quarteto costuma dizer que o que tocamos não é rock: "é música gostosa".

 

No primeiro ano, foram cerca de 100 shows (hoje chegam a 120) não só na Capital, mas por todo o Estado. Depois vieram o Rio Grande do Sul, o Paraná, shows em congressos, festas de empresas, casamentos, formaturas e estava consolidada a principal banda de interpretação de rocks  dançantes e clássicos da Capital. Contratada por anos seguidos para o Réveillon da Beira-Mar, na Capital, a banda já tocou para mais de 70 mil pessoas em uma única noite. Na tradicional Feijoada do Cacau, fez do rock destaque em pleno Carnaval. Abriu os shows de bandas mundialmente famosas como Nazareth e Creedence Clearwater. Na reportagem sobre os 50 anos do Rock and Roll, a produção do Jornal Hoje da Rede Globo escolheu o Quarteto Banho de Lua entre mais de mil bandas do Brasil  para interpretar alguns dos maiores clássicos do gênero, "That’s All Right, Mama", em rede nacional, e, em 2007, foi eleita pelo júri da revista Veja SC a melhor banda do estado.

 

Fazem parte do Quarteto Banho de Lua: Sérgio Negrão (voz e violão), André Seben (guitarra), Adriano Baboo (baixo/voz), Adriano Barvik (bateria/voz), Leandro (Saxofone e voz).

 

No repertório, mais de 200 músicas passam pela Black Music de James Brown e Ray Charles, pelo melhor do Rock and Roll clássico (Elvis, Beatles, Stones, Creedence, The Doors, Queen, Pink Floyd e Led Zeppelin) e o Rock Brasileiro de Raul Seixas e Barão Vermelho.

 

Mais informações no site www.banhodelua.com.br e no Facebook (facebook.com/banhodelua).

 

 

Antiga formação do Quarteto (Rodrigo Mottin, Negrão, Butch e Richard) com Sheila Mello

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now